Fran Townsend, CCO da Activision Blizzard, se retira do Twitter após fortes críticas de sua gerência na empresa

Fran Townsend, CCO da Activision Blizzard, se retira do Twitter após fortes críticas de sua gerência na empresa

Executiva acusada de estar conectada com vários relatórios de apoiar o abuso e assédio foi fortemente criticada novamente
#Mundo Publicado por Billy Butcher, em

No fim de semana, em meio a toda a turbulência e publicidade tóxica gerada pela investigação e subsequente ação judicial do Departamento de Trabalho e Moradia Justa da Califórnia sobre as condições abusivas de trabalho da Activision Blizzard, Fran Townsend CCO da empresa, pensou que seria o momento perfeito para twittar sobre ''o problema com os processos e denúncias infundadas.''

Nas últimas horas de hoje, Fran Townsend agora parece ter deletado sua conta do Twitter por completo. Por meio do Kotaku, fomos informados que sua equipe entrou em contato com a Activision Blizzard para maiores esclarecimentos.

IMAGEaHR0cHM6Ly9pLmtpbmphLWltZy5jb20vZ2F3a2VyLW1lZGlhL2ltYWdlL3VwbG9hZC84MWViZjIzZWM5NjZiYTFlMWQwNmY2MGRiZWM4NmU1ZC5wbmc=

Para recapitular, esta é uma mulher que, na esteira do processo da DFEH se tornando público, enviou um e-mail para a equipe chamando-o de "sem mérito" e foi tão amplamente criticada que foi especificamente mencionada como a causa da greve da semana passada, enquanto pede sua remoção de sua posição como patrocinadora da rede feminina da empresa também estão aumentando.

Em uma posição anterior e mais pública antes de sua nomeação em março como Vice-Presidente de Assuntos Corporativos da Activision Blizzard, Townsend já serviu como assistente secretária corporativa e diretora de conformidade do ex-Presidente dos EUA, George Bush para segurança interna e contraterrorismo durante seu governo, onde foi responsável por coisas como:

Ela foi um dos grandes incentivadores por trás do aumento do “nível de ameaça terrorista” nacional durante a campanha de reeleição de Bush em 2004 com base em evidências de três anos, uma decisão que o então chefe da Segurança Nacional, Tom Ridge, disse mais tarde ter sido politicamente pressionado a tomar. O então chefe da prisão de Abu Ghraib, onde pessoas foram torturadas, disse que se sentiu igualmente pressionado a aumentar a quantidade de informações que saíam dos interrogatórios após a visita de Townsend.

Townsend mais tarde defendeu o uso de tortura pelo governo Bush, incluindo afogamento, privação de sono e nudez forçada. “Independentemente do que você pensa sobre a questão de afogamento ser ou não tortura, havia documentos legais criados e confiados por oficiais de inteligência de carreira que implementaram o programa”, disse ela durante uma entrevista de 2009 a CNN depois que o Governo de Obama desclassificou e criticou Bush sobre o uso de tortura.

“Havia controles muito rígidos no programa. Essas pessoas confiaram neles e, agora, para libertá-los e sujeitar essas pessoas, esses profissionais de carreira a uma espécie de humilhação pública e opróbrio e então o potencial de uma investigação do Congresso realmente tornará nossa comunidade de inteligência avessa ao risco.”

IMAGEaHR0cHM6Ly9jZG4ubW9zLmNtcy5mdXR1cmVjZG4ubmV0L1U1SFpjQ2IzV2tuaXRTc0dOTDU5YTgtMTAyNC04MC5qcGcud2VicA==

Da esquerda para direita: J. Allen Brack (ex-Presidente da Blizzard Entertainment), Fran Townsend (CCO da Activision Blizzard) e Rob Kostich (Presidente da Activision Publishing).

Levando tudo isso em consideração, junto com o conteúdo e o tempo de seu tweet, a reação do público não foi positiva! Foi quase universalmente desafiado ou ridicularizado, o que é esperado, é o Twitter e isso acontece todos os dias, é para isso que existe a proporção.

Mas o que é notável aqui é reconhecer que ela, como executiva empregada em uma posição de liderança em uma empresa em crise, fez um Tweet ruim e respondeu de acordo, fazendo algo como bloquear sua conta e deletar o Tweet.

Antes disso, ela começou a bloquear qualquer um, mesmo que levemente crítico, de sua decisão de compartilhar uma história sobre os perigos de denunciar casos sérios enquanto sua empresa está no meio de alegações historicamente chocantes feitas por funcionários que testemunharam confidencialmente.

Isso inclui vários jornalistas e desenvolvedores de empresas externas, mas também muitos funcionários atuais e antigos da Activision Blizzard. Ela chegou a bloquear dezenas de seus próprios funcionários e colegas.

Agora é um momento tão bom quanto qualquer outro para dar uma olhada nos principais valores corporativos da Blizzard, onde a empresa prega de “todas as vozes são importantes”, mas quando uma voz quer ser ouvida por seu executivo... é bloqueada.

Billy Butcher
Billy Butcher #BillyButcher

Um grande fã de jogos e filmes dos gêneros Stealth e Ficção-Científica.

Tenho uma paixão imensa pela franquia Metal Gear Solid, na qual considero a minha favorita, porém também sou um grande amante das sagas Halo e StarCraft.

Moderador do Site, Volta Redonda, Rio de Janeiro
Publicações em Destaque
#Games, Por taffarelkupkovski,
#Games, Por greenlantern,
#Games, Por Frocharocha,
#Games, Por BillyButcher,